Para Amar o Trabalho #22

Quem aí não ficou emocionado com as Olimpíadas do Rio? Eu confesso que estava descrente, mas fiquei muito feliz com o que vi e além de torcer para os atletas brasileiros também estou torcendo pela cidade e pelo povo do Rio de Janeiro, que essas Olímpiadas tragam coisas boas também!

Quem acompanhou as competições conseguiu ver o empenho, o talento físico e as extraordinárias habilidades atléticas dos competidores! Mas basta apenas o talento físico para vencer? Pesquisa destaca o papel da psicologia em atletas que ganham ouro, o desempenho ideal tem tanto a ver com agilidade mental como com capacidade física.  O site Positive Prescription reuniu 8 segredos dos medalhistas Olímpicos para uma boa performance. E eu compartilho eles aqui para que a gente consiga, quem sabe, desenvolver uma paixão pelo nosso trabalho assim como os atletas, nos superarmos sempre e ter cada vez mais segundas-feiras mais positivas! 

Fonte: aqui.

Fonte: aqui.

1. Saber como e quando ir além:

Um grande atleta sabe quando ir além dos seus limites mentais e físicos e quando segurar. Trata-se de controle e impulso, a pausa entre pensamento e ação para avaliar o que é necessário para o momento. Isso requer pensamento flexível e autoconhecimento. Conhecer seus pontos fortes é importante, mas também é importante estar ciente das áreas que exigem um esforço extra e mais trabalho.

2. Otimismo:

Produtividade, melhor saúde, resolução de problemas de forma eficiente, sucesso, tudo isso está ligado com o otimismo. Não se trata de ser cego para as realidades da vida (contratempos físicos e mentais, pontos fracos, condições meteorológicas), mas vê-los como obstáculos temporários ao invés de permanentes. Grandes atletas não param quando eles caem. Eles exibem resistência e graça na cara de decepção. Nosso melhor exemplo é o Diego Hypolito, depois de duas olímpiadas passando por situações difíceis, nesta edição ele conseguiu superar as derrotas passadas e levou a prata no solo!

"Na primeira Olimpíada, eu caí de bunda. Na segunda, eu caí de cara. E nessa eu caí de pé!" Hypolito, Diego.

3. Motivação:

Um estudo recente descobriu que a automotivação  ajuda os atletas a melhorar em força e em tarefas com base em resistência. "A mente guia a ação, se formos bem sucedidos na regulação de nossos pensamentos, então isso vai ajudar no nosso comportamento." diz psicólogo esportivo Antonis Hatzigeorgiads.

4. Definir metas específicas:

Os atletas mais bem sucedidos definem metas específicas. Claro que o objetivo final de um atleta é ganhar o ouro, mas os objetivos diários que antecederam os jogos (como melhorar o tempo em 1 segundo, melhorar a execução de um movimento, aperfeiçoar uma jogada) importam mais para melhorar o desempenho geral.

5. Perfeccionismo (saudável):

O perfeccionismo saudável equilibra os altos padrões do atleta com flexibilidade. A diferença entre um perfeccionista saudável e os excessivos é que o os saudáveis não são assombrados por erros do passado, aprendem com eles, ao passo que os perfeccionistas exagerados estão excessivamente preocupados com controle e exibem mentalidade de tudo ou nada.

6. Foco:

Estudos sugerem que a forma de visualização é comparável ao treinamento físico. Para os Olímpicos não basta apenas pensar em sua participação e em ganhar, mas sim sentir de fato como será a competição e levar para casa o ouro. Quanto mais intenso está o foco em sua meta (ganhar o ouro) mais fácil dessintonizar das distrações, estresse e ansiedade. Esse tipo de foco pode ser alcançado através da prática de mindfulness e meditação regulares.

7. Rotina:

Pesquisa indica que a rotina é um aspecto vital do sucesso. Rotina cria equílibrio, foco, hábitos saudáveis, disciplina, resiliência e resistência, ingredientes essênciais para sucesso como atleta e na vida.

8. Entrar em Flow (ou fluxo):

Os grandes atletas sabem como entrar em flow, é o oposto de ser multi tarefa. Eles ficam tão envolvidos na tarefa que perdem a noção do tempo. Mihaly Csikszentmihalyi, autor de flow, descreve-o como:

"Sendo completamente envolvido em uma atividade para seu prórprio bem. O ego se desfaz. O tempo voa. Cada ação, movimento e pensamento segue invevitávelmente a anterior, como tocar jazz. Todo o seu ser está envolvido, e você está usando suas habilidades ao máximo."

Os jogos Olímpicos são uma prova do pontecial do corpo e mente humanos. Imagine o que você poderia realizar se pensasse como um atleta olímpico a cada dia. Aproveite toda a vibração dos Jogos Olímpicos Rio 2016 e aplique algumas dessas estratégias na sua vida. Talvez o segredo do sucesso esteja em aprender a falhar.

"Eu perdi mais de 9000 cestas em minha carreira. Eu perdi quase 300 jogos. 26 vezes, eu tentei fazer a cesta final para ganhar o jogo e falhei. Eu falhei várias e várias vezes na minha vida. E é por isso que eu consegui." Jordan, Michael.

Uma semana de ouro pra você!