Para Amar o Trabalho #17

Segunda-feira, está com preguiça aí? Eu estou aqui rs. Pois é essa palavrinha tem peso, preguiça é até pecado capital, e eu sempre senti uma certa culpa por ter essa tendência rs, mas as vezes a preguiça é só uma consequência de se estar exausto! E apesar de parecer que os preguiçosos não ligam pra nada, não é bem verdade, tem coisas boas que podem surgir de um preguiçoso também e eu vou contar aqui neste post! 

photo-1455026733626-d2d31efe4976.jpg

1- Estar sempre bem descansado:
A preguiça adora conveniência e raramente um preguiçoso vai fazer extravagâncias, dormir e acordar cedo são hábitos bem comuns.

2- Multitarefa e mais criativo:
A preguiça faz a gente pensar em formas melhores de fazer as coisas, então quanto antes concluirmos uma ou mais tarefas mais tempo temos para nos dedicar a relaxar em frente a tv, ou com um bom livro ;).

3- Menos drama:
Pois é, participar de fofocas, brigas e discussões é tão desgastante que o preguiçoso evita essas situações para que nada interfira na sua produtividade e tudo possa ser feito bem rapidinho.

4- Eficiência:
Fazer as coisas mais rápido não é o mesmo que fazer mal feito viu, os preguiçosos são metódicos e gastam energia apenas com o essencial. E é importante fazer bem feito para não ter retrabalho, né gente?!

5- Procrastinar mas com otimismo:
Quando a preguiça e o senso de urgência se unem aparecem soluções incríveis, o que seria de nós sem carros e sistemas de transporte, talvez sem uma ajudinha da preguiça em querer fazer as coisas melhor e mais rápido para descansar um pouco mais? Talvez nós ainda fizéssemos tudo a pé... rs.

Use a sua preguiça a seu favor e com moderação, ok? Vou tentar aqui também ;)

Até o próximo post!