DIY de primeira viagem: Potes de Concreto #02

Postei aqui no blog o início da minha saga DIY! Os terrários que montei estão sobrevivendo! ufa!

Hoje o tema vai ser concreto! Quem nunca viu os vasinhos, luminárias e outros itens feitos concreto e não ficou encantado? É raro quem curte decoração não ter caído de amores por esse pontinho brutalista em contraste com plantinhas fofas, lâmpadas vintage e até velas perfumadas.

Os potinhos que eu fiz vão virar castiçais, não ficaram profundos o suficiente para virar cachepot.

Mas vamos ao que interessa, fiz uma ronda pela internet caçando os melhores DIY, e o que mais ajudou foi esse aqui.

Se você quer tentar também vai precisar de:

- Moldes para colocar o concreto;
- Moldes para fazer o côncavo (no caso de ser um vaso ou castiçal);
- Peso para o molde interno, você pode usar pedras ou moedas (ou outra coisa que você tiver em casa).
- Lixa (para dar um acabamento no topo da peça);
- Pincel e vaselina ou óleo de cozinha para besuntar os moldes (para a peça de concreto soltar mais facilmente dos moldes/ eu usei óleo e deu certo);
- Recipiente para misturar o cimento e a areia (algo que possa jogar fora) e uma pá ou espátula;
- Cimento;
- Areia;
- Água para misturar;

Modo de fazer:

Para misturar o cimento e a areia, dizem que as instruções vem na embalagem, porém os sacos de concreto são enormes e eu comprei na loja de material só um pouco, 5kg de cada rs e aí veio numa embalagem genérica sem as instruções, fuçando na internet achei este guia que ajudou e misturei meio no olhometro rs. Tem um tipo de cimento que não precisa de areia, o cimento grout, é só misturar com água.

Olha só como ficou a mistura!

Olha só como ficou a mistura!

Aí é só passar o óleo nos moldes e colocar a quantidade de concreto necessária para cada um.

Nos bastidores! rs

Nos bastidores! rs

O tempo mínimo para desenformar é 24hrs. É bom ter cuidado para não quebrar. Eu usei uns potinhos mais rígidos por conta do formato que eu queria, mas pode ser boa ideia usar algo que rasgue ou dê para cortar facilmente no caso de algum ficar entalado. Passei a lixa nos topos que ficaram levemente irregulares e pronto. Eis aqui o resultado!

Bom, deixo aqui alguns toques, não é difícil de fazer, mas faz uma super sujeira, se você for fazer num lugar que não pode lavar (jogar água) depois, forre tudo antes.
Apesar de não ser nenhum bicho de sete cabeças os potinhos ficaram um pouco irregulares, talvez com mais treino a coisa fique mais profissa, mais padronizada.
Tem gente não curte os furinhos no concreto, eu gosto dos furinhos, mas para diminuir este "probleminha" é só dar várias batididinhas no molde com o concreto ainda mole, que o ar que provoca os furos sai.
É bom colar feltro na base para proteger os tampos dos móveis de riscarem por conta da base rústica do potinho/vasinho.

Estou pesquisando como faz vela de cera de abelha ou de soja (ecológicas) para preencher os potinhos e esse segundo passo vai vir aqui pro blog em breve.

Me conta aqui nos comentários se você tentar na sua casa também, se deu certo, quais as suas dificuldades. Eu quero tentar novamente, outros formatos e outros modelos. Adoro a estética das peças de cimento.

O próximo que eu quero tentar é esta luminária fofa aqui.

Até o próximo post!